A educação como ideal eugênico: o movimento eugenista e o discurso educacional no boletim de eugenia 1929-1933

  • Simone Rocha

Resumo

Dos diversos assuntos tratados com o enfoque eugenista presentes no Boletim de Eugenia, a educação foi uma das temáticas de maior discussão, permitindo que tais prerrogativas viessem a determinar o modelo social preterido no país. Considerado por grande parte dos eugenistas, a educação teria apenas a função de estimular as habilidades dos “eugenizados” sendo que para os elementos “disgênicos”, tal investimento seria dispendioso visto a impossibilidade de atingir progressos ante a falta de habilidades provenientes de fatores hereditários. A defesa da eugenia como ciência está presente no discurso da maioria dos autores que publicaram para o Boletim e está intimamente relacionada à formação do povo brasileiro. Entretanto, existem diversas possibilidades quanto à justificativa deste posicionamento, como exemplo a posição diferenciada do antropólogo Roquette-Pinto.
Publicado
2011-08-30