Notas Sobre Gestão Escolar E Burocracia: A Visão Dos Diretores Escolares Em Cascavel

  • Adrian Alvarez Estrada Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Edaguimar Orquizas Viriato

Resumo

O presente artigo é resultado da pesquisa “Organização burocrática e gestão escolar: a perspectiva dos diretores da rede municipal de ensino de Cascavel”, financiada pela Fundação Araucária, que buscou compreender a concepção vigente que os diretores da rede municipal de ensino possuem acerca de gestão e sua relação com a burocracia escolar. Para tanto, identificamos as principais matrizes teóricas acerca da organização burocrática bem como sua inserção no âmbito das organizações educativas. Realizamos ainda uma pesquisa de campo, por meio de questionários, com os diretores de escolas da rede municipal de Cascavel, para identificar o grau de burocratização das unidades escolares, e a forma como os diretores percebem e agem diante dessa realidade.

Biografia do Autor

Adrian Alvarez Estrada, Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Doutor em Educação pela Universidade de São Paulo (2004). Atualmente é Professor Associado B da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, onde é docente do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Colegiado de Pedagogia.Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Teoria das Organizações; Gerencialismo e Administração da Educação.
Edaguimar Orquizas Viriato
Possui graduação em Letras pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras Nossa Senhora Medianeira (1985), graduação em Pedagogia pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de São Bernardo do Campo (1988), mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1995) e doutorado em Educação (Currículo) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001). Atualmente é professora associada da Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Currículo, atuando principalmente nos seguintes temas: política educacional, gestão, currículo, formação de professores, ensino médio e educação profissional.

Referências

ALTHUSSER, L. Aparelhos ideológicos do Estado. Rio de Janeiro: Graal, 2007.
BERNARDO, J. Gestores, estado e capitalismo de estado. São Paulo: Ensaio, 1985.
______. Marx crítico de Marx. Porto: Afrontamento, 1977.
DOURADO, L.F. et al. Gestão escolar democrática. Goiânia: Editora Alternativa, 2003.
FREITAG, B. Escola, estado e sociedade. São Paulo: Moraes, 1986.
MORGAN, G. Imagens da organização. São Paulo: Atlas, 2010.
MOTTA, F.C.P. Organização & poder: empresa, estado e escola. São Paulo:
Atlas, 1990.
______. O que é burocracia. São Paulo: Brasiliense, 2000.
______. Teoria das organizações. São Paulo: Pioneira, 2003.
MOTTA, F.C.P.; PEREIRA, L.C.B. Introdução à organização burocrática. São
Paulo: Pioneira, 2004.
SHAW, C.K.Y. Teoria hegeliana da burocracia moderna. Fundação João
Pinheiro, Belo Horizonte, v. 7, n. 1, jan/abr 1992.TRAGTENBERG, M. A Escola enquanto Organização Complexa. In: GARCIA,
W. E. Educação brasileira contemporânea: organização e funcionamento. São
Paulo: McGraw-Hill, 1981, p. 15-30.
WEBER, M. Economia e sociedade. Brasília: UnB, 1994.
WEBER, M. Que és La burocracia? Madrid: Ediciones Elaleph.com, 2000.
Publicado
2016-11-10