A Formação do Educador Social sob a Perspectiva da Educação Integral

  • Elizeli Faustinone de Souza
  • Humberto Silvano Herrera Contreras Atualmente, é professor dos cursos de Pós-Graduação no Núcleo de Ciências da Vida e Sociedade (NUCIVIS), e no Curso de Pedagogia, nas disciplinas de Fundamentos da Pedagogia, Pedagogia Social, e Ensino Religioso Escolar. É coordenador do Núcleo de Inovação, Pesquisa e Extensão (NIPE). Também atua na equipe pedagógica do Centro de Educação Socioambiental, da Associação Brasileira de Amparo à Infância - ABAI, organizando o processo didático dos educadores sociais no atendimento de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Compõem o Conselho Editorial da Revista de Pastoral da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil. Presta assessoria pedagógico-pastoral no Setor Universidades/CNBB, como professor-consultor.

Resumo

A profissão de educador social consiste em um trabalho socioeducativo para a emancipação e transformação dos sujeitos que se encontram em situação de risco e vulnerabilidade social. Diante de tal complexidade, esta atuação requer uma formação sólida e específica e, por ser o Ensino Médio a formação básica requerida para o ingresso nesta função, temos como problema de pesquisa a seguinte pergunta: Qual o tipo de formação necessária para o efetivo exercício de uma prática socioeducativa de qualidade e emancipatória do educador social na política de Assistência Social? Assim, o presente artigo tem por objetivo refletir sobre o papel e a formação necessária para este profissional. Apresenta inicialmente uma breve caracterização da Educação Social, bem como das funções e competências do educador social. A partir daí, elaborou-se uma proposta de formação específica para esses profissionais, sob a perspectiva da Educação Integral. Dessa forma, oportunizam-se reflexões sobre a importância e a emergente necessidade da proposta de um curso de formação integral para os educadores sociais com objetivo de valorização desses profissionais e qualificação na oferta de serviços, programas, projetos e benefícios socioassistenciais. 

Biografia do Autor

Humberto Silvano Herrera Contreras, Atualmente, é professor dos cursos de Pós-Graduação no Núcleo de Ciências da Vida e Sociedade (NUCIVIS), e no Curso de Pedagogia, nas disciplinas de Fundamentos da Pedagogia, Pedagogia Social, e Ensino Religioso Escolar. É coordenador do Núcleo de Inovação, Pesquisa e Extensão (NIPE). Também atua na equipe pedagógica do Centro de Educação Socioambiental, da Associação Brasileira de Amparo à Infância - ABAI, organizando o processo didático dos educadores sociais no atendimento de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Compõem o Conselho Editorial da Revista de Pastoral da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil. Presta assessoria pedagógico-pastoral no Setor Universidades/CNBB, como professor-consultor.
Filósofo e Pedagogo pela Faculdade Padre João Bagozzi, do Grupo Educacional da Congregação dos Oblatos de São José. Mestre em Educação pela Universidade Tuiuti do Paraná. Doutorando em Educação na Universidad Católica de Santa Fé, Argentina. Possui Especialização em Gestão Ambiental e em Docência na Educação Superior pela Faculdade Padre João Bagozzi. Atualmente, é professor dos cursos de Pós-Graduação no Núcleo de Ciências da Vida e Sociedade (NUCIVIS), e no Curso de Pedagogia, nas disciplinas de Fundamentos da Pedagogia, Pedagogia Social, e Ensino Religioso Escolar. É coordenador do Núcleo de Inovação, Pesquisa e Extensão (NIPE). Também atua na equipe pedagógica do Centro de Educação Socioambiental, da Associação Brasileira de Amparo à Infância - ABAI, organizando o processo didático dos educadores sociais no atendimento de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Compõem o Conselho Editorial da Revista de Pastoral da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil. Presta assessoria pedagógico-pastoral no Setor Universidades/CNBB, como professor-consultor.
Publicado
2017-06-02