Parlez-vous Français?1 A Língua Francesa na Educação Básica Pública em Ponta Grossa (PR)

  • Janine Patricia Loos Universidade Estadual de Ponta Grossa
  • Helga Loos Sant'ana Universidade Federal do Paraná

Resumo

Vários aspectos relativos ao desenvolvimento humano, concernentes aos âmbitos social, cognitivo e afetivo-emocional, são beneficiados pelo aprendizado de línguas estrangeiras, oportunizando, assim, progresso pessoal e profissional aos indivíduos. O presente trabalho tem o propósito de analisar a situação relativa ao ensino da língua francesa nas escolas da rede pública estadual do município de Ponta Grossa, Estado do Paraná, já que se trata de um idioma de grande importância no mundo e que, atualmente, não vem sendo ofertado, nem na matriz curricular e nem por meio do Centro de Línguas Estrangeiras Modernas (CELEM) – modalidade criada no Paraná na década de 80 com a finalidade de ofertar o ensino plurilíngue extracurricular gratuito à comunidade escolar. Realizou-se uma investigação histórica, seguida de uma análise documental relativa aos parâmetros educacionais oficiais vigentes para o ensino de línguas estrangeiras, e, por último, a uma pesquisa de campo. Dados foram coletados junto ao Núcleo Regional de Educação, aos diretores de duas escolas públicas estaduais de Ponta Grossa e a alunos, tendo sido os participantes entrevistados e/ou convidados a responder a um questionário aberto. Os resultados foram tratados de maneira qualitativa, de acordo com os eixos temáticos mais significativos. Percebese que a problemática encerra várias contradições envolvendo prioridades político-econômicas, disponibilidade de profissionais habilitados, demanda pelo ensino da língua e questões administrativas.

Biografia do Autor

Janine Patricia Loos, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Possui Licenciatura em Letras Português/ Francês pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (2011). Matriculada no curso de Letras/Inglês na Universidade Estadual de Ponta Grossa, e atualmente atua como professora de Português/ Francês/ Inglês pela rede estadual de ensino. Especialização em Ensino de Filosofia para o Ensino Médio pela Universidade Estadual do Centro-Oeste em andamento

 
Helga Loos Sant'ana, Universidade Federal do Paraná

Cursou Magistério (1982) - com habilitação em Educação Pré-Escolar (1983) no Instituto de Educação do Paraná, possuindo experiência em ensino pré-escolar e fundamental. Graduada em Psicologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1994), mestre em Psicologia (Psicologia Cognitiva) pela Universidade Federal de Pernambuco (1998), doutora em Educação (Psicologia, Desenvolvimento Humano e Educação) pela Universidade Estadual de Campinas (2003) - com permanência de 18 meses (doutorado em modalidade sandwich) no Instituto de Psicologia da Philipps Universität Marburg - Alemanha (2001-2002). Atualmente é professora Associada I na Universidade Federal do Paraná, atuando na Graduação e na Pós-Graduação, na área de Psicologia da Educação e do Desenvolvimento. As atividades de ensino e pesquisa concentram-se nos seguintes temas: relações estruturais e funcionais entre cognição e afetividade; aspectos afetivos da aprendizagem; aspectos afetivos da aprendizagem da matemática; desenvolvimento da identidade e do self humanos; crenças autorreferenciadas (autoconceito, autoestima e crenças de controle); autorregulação; coping e resiliência; aspectos atípicos do desenvolvimento e suas relações com a aprendizagem; suporte familiar no desenvolvimento; mediação de conflitos; desenvolvimento moral; psicologia da arte; metodologia de pesquisa.

 

Referências

CEIA, C. Porque é importante estudar línguas e por que é que não estudamos?
Disponível em: http://www.fcsh.unl.pt/docentes/cceia/educacao/aprender_
linguas.pdf. Acesso em: 23/07/2012
http://www.diaadia.pr.gov.br/celem/modules/conteudo/conteudo.
php?conteudo=7
Diretrizes Curriculares de Língua Estrangeira Moderna para a Educação Básica
do Paraná. Curitiba: Secretaria de Estado da Educação, 2008.
FIGUEIREDO, E.; GLENADEL, P. O Estatuto do Francês no mundo de hoje: a
diferença “por vir”. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2006.
HELB - Linha do Tempo sobre a História do Ensino de Línguas no Brasil. História
de Línguas no Brasil - Projeto do Programa de Pós- Graduação em Linguística
Aplicada da Universidade de Brasília – UNB, 2010. Disponível em: www.unb.
br/il/let/helb/. Acesso em: 11/10/10
BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental.
Parâmetros Curriculares Nacionais: terceiro e quarto ciclos do ensino
fundamental / língua estrangeira. Secretaria de Educação Fundamental.
Brasília: MEC/SEF, 1998. Parâmetros Curriculares Nacionais (ensino médio),
2000. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/14_24.pdf.
Acesso em: 24/09/2010.
Publicado
2017-06-07
Seção
Artigos de Fluxo Contínuo