Jogos e dramatizações na promoção da ludicidade e da motivação na educação profissional

Resumo

O artigo intenciona verificar as práticas educacionais como promotoras da ludicidade em atividades de dramatizações e jogos na educação profissional. A investigação se mostra relevante no que se refere às opiniões dadas pelo discente sobre as práticas propostas. Justifica-se a pesquisa pela importância do debate do tema ludicidade na área da educação profissional. A questão de pesquisa é identificar se o discente da área do ensino técnico entende relevante e motivador a utilização de jogos e dramatizações no processo de aprendizagem. O método selecionado é o descritivo/exploratório, com aplicações, observações, entrevistas suportadas por perguntas abertas e questionário composto por perguntas fechadas. As atividades aplicadas possibilitaram a captação de relatos pós-evento que, depois de transcritos, foram analisados de forma qualitativa e quantitativa. A amostra de estudo se concentrou nos estudantes jovens e adultos dos cursos técnicos de desenvolvimento de sistemas, logística e administração de Centro de Educação Profissional Tecnológica (CEPT), sendo as seleções dos cursos realizadas por conveniência. Os resultados alcançados demonstram a identificação pretendida, bem como, a concordância com os estudos dos autores referenciados. Além disso, as técnicas utilizadas podem servir de bases para novos estudos, modelos e aplicações.

Biografia do Autor

Carlos Vital Giordano, Centro Paula Souza.
Professor doutor do programa de mestrado do Centro Paula Souza.
Francis Akemi Nitto Simões, Centro Paula Souza

Mestre em Educação Profissional.

Publicado
2021-10-18