30 anos de estudos didáticos: recorrências, mudanças, riquezas e problemas

  • Cleoni Maria Barboza Fernandes
  • Yoshie Ussami Ferrari Leite

Resumo

É tempo de comemorar. Do latim – commemoratione – é trazer à memória, fazer recordar, lembrar, também celebrar, festejar, assim como prestar informação relativa ao estado anterior do doente ou com fins diagnósticos sobre circunstâncias anteriores ao estado atual (FERREIRA HOLANDA: 1986; p.436).
Celebramos os 30 anos de existência da ANPED (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação), compreendendo que, ao voltarmos ao passado para um estudo que resgate as produções apresentadas no Grupo de Trabalho (GT) de Didática, não descrevemos, mas interpretamos, como diz Magda Soares (1990), com os olhares e os sentimentos trabalhados pelo vivido, nem por isso menos importantes ou com menor validade.
Este estudo aborda produções apresentadas ou divulgadas envolvendo o nosso GT. Atendendo a um pedido da Coordenação, reportamo-nos aos 30 anos de existência da ANPED (tema da Reunião) em que o GT de Didática esteve presente desde os anos iniciais – 1982 (André, 1990) – embora não tenhamos conseguido obter material relativo ao período integral.

Publicado
2018-11-06