A educação, a pós-modernidade e a crise de fundamentação do discurso pedagógico

  • João Francisco Lopes de Lima

Resumo

Este artigo se insere na temática das relações entre pós-modernidade e educação, reconhecendo a falência dos fundamentos de ordem metafísica enquanto estrutura fundante da normatividade do discurso pedagógico. O estudo toma como aporte de reflexão a contribuição teórica da filosofia que reconhece o cenário pós-moderno, tomando em particular a contribuição de Lyotard, Vattimo e Habermas sobre os sintomas da crise da modernidade e emergência da pós-modernidade e suas implicações para a constituição da normatividade do discurso pedagógico. Por fim, o estudo firma o reconhecimento da importância da tradição pedagógica como elemento mediador, ainda que não tomado de forma substantiva, e, ao mesmo tempo, reconhece a fecundidade de algumas contribuições do pensamento pós-moderno para fornecer conteúdos que embasem, ainda que de modo menos perene, a normatividade do discurso.

Publicado
2018-11-06