Projeto Perspectivas: Convivendo e Compartilhando Experiências em uma Penitenciária do Estado de São Paulo

Projeto Perspectivas: Convivendo e Compartilhando Experiências em uma Penitenciária do Estado de São Paulo

  • Camila Cardoso Menotti Universidade Federal de São Carlos – UFSCar/SP.
  • Elenice Maria Cammarosano Onofre Universidade Federal de São Carlos – UFSCar/SP

Resumo

O presente estudo é resultado de pesquisa desenvolvida em uma penitenciária
do estado de São Paulo, junto ao Projeto Perspectivas, com o objetivo de
identificar os processos educativos decorrentes dessa prática social de
conviver e compartilhar experiências, visando compreender como as pessoas
se formam ao longo da vida e em diferentes contextos. A pesquisa, de
natureza qualitativa, utiliza como procedimentos metodológicos o convívio,
a observação e conversas informais, registradas em diários de campo.
Participaram como sujeitos cinquenta e um aprisionados, dois funcionários
e três funcionárias da Penitenciária. Os participantes, através do diálogo
com os pares e da reflexão sobre suas experiências de vida e no cárcere,
têm a oportunidade de construir possíveis caminhos e projetos de vida para
quando adquirirem a liberdade e desenvolvem habilidades que melhoram
sua auto-estima, o que contribui no cumprimento da pena e no retorno à
sociedade. Os dados coletados e analisados permitem repensar a prisão como
um espaço que pode ir além da privação de liberdade, pois embora seja um
ambiente de repressão, regido por normas e regras rígidas de controle, pode
através de algumas práticas sociais desempenhar a essência de sua função
que é promover a reintegração do indivíduo à sociedade.
Palavras-chave: Processos educativos; Práticas sociais na prisão; Direitos
Humanos. Reinserção social.

Biografia do Autor

Camila Cardoso Menotti, Universidade Federal de São Carlos – UFSCar/SP.

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Educação – Universidade Federal de São
Carlos – UFSCar/SP

Elenice Maria Cammarosano Onofre, Universidade Federal de São Carlos – UFSCar/SP

Doutora em Educação. Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação –
Universidade Federal de São Carlos – UFSCar/SP.

Publicado
2012-05-04