Formação Do Leitor Literário Em Uma Escola Pública Carioca:

Um Estud o Etnográfico

  • Lucelena Ferreira Universidade Católica de Petrópolis (PPGE/UCP).

Resumo

Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa de doutoramento, de viés
etnográfico, que tem como objetivo buscar indícios das representações e
práticas de leitura de alunos do ensino médio de uma escola pública carioca. O
foco da investigação é a influência do ensino de língua e literatura na relação
dos alunos com a leitura. A abordagem de representações utilizada tomou
por base os trabalhos de Roger Chartier, na perspectiva da História Cultural,
que as identifica como esquemas construídos de classificação e julgamento,
que organizam a apreensão do mundo. Os fenômenos educacionais foram
observados com o apoio de conceitos e estratégias do campo antropológico.
Para isto, foi realizado um trabalho de campo etnográfico, com observação
participante e entrevistas com alunos e professora. A análise dos dados
mostrou que, no que diz respeito à maioria dos alunos, a professora não
consegue atingir sua meta de contribuir para o letramento literário dos
alunos. As práticas escolares de leitura não se constituem em práticas
significativas para a maior parte do grupo pesquisado.
Palavras-chave: letramento; representações; práticas.

Biografia do Autor

Lucelena Ferreira, Universidade Católica de Petrópolis (PPGE/UCP).

Doutora em Educação pela PUC-Rio (2009) e doutora
em Letras pela PUC-Rio (2001).

Publicado
2012-05-04