A história da disciplina Didática Geral, na Faculdade Nacional de Filosofia da Universidade do Brasil (FNFI), nos anos de 1950: investigando a produção do Catedrático Luiz Alves de Mattos

  • Maria Verônica Rodrigues da Fonseca Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Educação da UFRJ

Resumo

Neste trabalho, analiso documentos curriculares dos anos de 1950 - a 4ª edição da obra Sumário de Didática Geral publicada por Luiz Alves de Mattos, professor catedrático de Didática Geral e Didática Especial da Faculdade Nacional de Filosofia e, posteriormente, professor titular da FE/UFRJ, no período de 1939 a 1972 e o Programa da Disciplina Didática Geral e Especial do ano de 1955. Busco identificar a influência destas publicações na manutenção de uma retórica legítima que garantiu sucesso à disciplina acadêmica Didática Geral, bem como o papel exercido pelo catedrático como uma liderança que influenciou fortemente a constituição histórica da referida disciplina nos diferentes cursos que formavam professores na instituição investigada. A análise fundamenta-se nas contribuições teórico-metodológicas dos estudos em História do Currículo e História das Disciplinas, articuladas à produção da nova historiografia e da história
cultural, em especial os estudos de Le Goff (1990), Levi (1992) e Burke (2002) acerca da ampliação da noção de fonte histórica e quanto à importância da análise microscópica e do estudo intensivo do material documental. A análise aponta alguns aspectos que remetem para o sucesso da retórica construída por meio da obra de Luiz Alves de Mattos, o que garantiu a estabilidade e a conservação da disciplina na instituição.

Publicado
2018-08-15