A linguagem e a estratégia comunicativa na representação da ética em Dogville, de Lars von Trier

Maria Argentina Húmia Dórrio

Resumo


Este trabalho tem o objetivo de analisar a linguagem cinematográfica de Lars von Trier e sua estratégia comunicativa em Dogville. Sua linguagem se dá através de uma imensa economia de meios, largamente compensada por uma surpreendente inventividade que aponta para uma ética questionadora do próprio modo de se fazer cinema. Minha abordagem teórica será ancorada, fundamentalmente, em Soren Kierkegaard e Décio Pignatari.

 

Palavras-chave


Cinema; Processo Comunicativo; Representação; Signo; Ética.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Linguagens Universidade Tuiuti do Paraná - ISSN / 1980-5276

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.