Achados auditivos e vestibulares em pacientes portadores de disfunção temporomandibular (DTM): revisão de literatura

  • Thiago Mathias de Oliveira
  • Flávia Mara Fernandes Reis
  • Adriana Bender Moreira de Lacerda
  • Bianca Simone Zeigelboim

Resumo

Introdução: A articulação temporomandibular é uma das mais complexas do corpo humano, Qualquer problema
que venha intervir no bom funcionamento deste complexo de músculos e ligamentos pode resultar em uma
disfunção temporomandibular (DTM), causando sintomas auditivos, vestibulares, miofuncionais e desordens
estomatognaticas. Objetivo: O presente estudo tem como objetivo realizar uma revisão de literatura dos últimos
10 anos a respeito dos achados auditivo e vestibular proporcionados pela DTM. Método: O método utilizado
foi pesquisa em sites de publicação, Scielo, PubMed, Revista CEFAC, Revista Ciências Medicas e Biológicas,
Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, incluindo destas artigos indexados de 2000 à 2013. Resultados: Os
resultados encontrados foram 5 estudos relacionados aos achados otológicos e vestibular, 7 relacionados apenas
aos sintomas como zumbidos, tontura, otalgia, 4 relacionado a perda auditiva, 2 relacionado ao sistema vestibular
e 11 relacionados Aspectos normais e deslocamento da ATM, hábitos parafuncionais da DTM. Conclusão: A DTM
pode causar alterações no sistema auditivo e vestibular, independente da faixa etária e gênero, que explicadas
pelo fato das estruturas da articulação temporomandibular e sistema auditivo serem próximos. No entanto mais
estudos são necessários para caracterizar os achados auditivos e vestibulares, nos portadores de DTM.

Publicado
2018-06-21