A materialidade do livro na contemporaneidade: imbricamentos entre imediação e hipermediação

Ana Gruszynski, Raquel da Silva Castedo

Resumo


O artigo tem como foco a forma do livro, que é abordada a partir do conceito de dispositivo (MOUILLAUD, 2002; CHARAUDEAU, 2006). Em uma aproximação teórica, problematiza-se a noção de livro na cultura da convergência, tendo em vista os processos de remediação no sistema de mídia, adotando-se como procedimentos metodológicos a pesquisa bibliográfica e a documental. Conclui-se que, entre imediação e hipermediação, a materialidade do livro na contemporaneidade é resultado de um processo contínuo de remediação do livro impresso no digital e do digital no impresso. Esta demanda ao leitor acionar seu repertório acerca do livro tradicional, em um processo contínuo de significação dos produtos em tela e (res)significação daqueles em papel.


Palavras-chave


Livro; Design; Remediação; Dispositivo; Convergência.

Texto completo:

PDF EPUB

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Linguagens Universidade Tuiuti do Paraná - ISSN / 1980-5276

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.