A trajetória do Binômio, um jornal “quase independente”

Alexandre Ferreira Nonato, Mauro César Silveira

Resumo


O Binômio (1952-1964) foi um jornal alternativo de Minas Gerais, considerado um dos precursores da imprensa de resistência, mesmo sendo praticamente ignorado nas grandes obras de história do jornalismo brasileiro. Antes do período militar, o Binômio já trazia características que também seriam marcantes em publicações alternativas durante a ditadura: humor, irreverência, ironia, combate à força política dominante. O presente artigo tem como objetivo mostrar a trajetória desse jornal e sua relevância histórica tanto no campo político como no quadro da imprensa nacional.

Palavras-chave


História do jornalismo; Jornalismo alternativo; Jornalismo investigativo; Jornalismo mineiro; Binômio.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Linguagens Universidade Tuiuti do Paraná - ISSN / 1980-5276

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.