Patrimônio, História e Ensino: Percursos Epistemológicos na História Ensinada

Jaqueline Aparecida M. Zarbato

Resumo


Este artigo pretende abordar as reflexões da educação patrimonial como contributo nas aulas de história da Educação Básica. Para tal, metodologicamente este artigo estrutura-se em realizar a análise sobre as concepções teóricas que norteiam a Educação Patrimonial como campo de estudo, assim como a dinâmica que imprime a produção do conhecimento histórico. Analisando o imbricamento entre as concepções patrimoniais e o ensino de história, pontuando desta maneira, a experiência realizada com estudantes de uma escola pública, no interior de Mato Grosso do Sul. Palavras-chave: Educação patrimonial. Ensino de história. Alfabetização histórica

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Parâmetros curriculares nacionais:

história e geografia. 2. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2000. p. 52

BARCA, Isabel. Aula Oficina: do projecto à avaliação. ______. (org.) Para

uma educação histórica de qualidade. Actas das IV Jornadas Internacionais de Educação Histórica. Braga:Universidade do Minho, 2004, p.131-144.

BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Ensino de História: fundamentos e

métodos. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2009.

CERRI, Luis Fernando. Os conceitos de consciência histórica e os desafios da didática da história. Revista de História Regional. 6(2): 93-112, 2001.

GONÇALVES, José Reginaldo Santos. Monumentalidade e cotidiano: Os

patrimônios culturais como gênero do discurso. In._OLIVEIRA, Lucia Lipp

(Org.) Cidade: História e Desafios. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2002.

HORTA, Maria de Lourdes Parreiras; GRUNBERG, Evelina. MONTEIRO, Adriane Queiroz. Guia Básico de educação Patrimonial. Brasília: IPHAN/

Museu Imperial, 1999.

IPHAN. Instituto do Patrimônio Histórico e artístico nacional. (www.iphan.gov.br/bens/P.%20Imaterial/imaterial.htm).

LE GOFF, Jacques. História e memória. Campinas-SP: Ed. da UNICAMP, 1990.

LEMOS, Carlos A.C. O Que é Patrimônio Histórico. São Paulo: Brasiliense, 1987.

RÜSEN, Jörn. Como dar sentido ao passado: questões relevantes de metahistória. Revista História da Historiografia, n.2, p.163-209, mar. 2009.

RÜSEN, Jörn. Didática da História: passado, presente e perspectivas a partir do caso alemão. Práxis Educativa, Ponta Grossa, vol. 1, n° 2, p. 07-16, jul.-dez. 2006.

SCHMIDT, Maria Auxiliadora. Cognição histórica situada: que aprendizagem histórica é esta? In: SCHMIDT, Maria Auxiliadora; BARCA, Isabel (org). Aprender História: perspectivas da educação histórica. Ijuí: Editora UNIJUI, 2009, p.117-137


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 CADERNOS DE PESQUISA: PENSAMENTO EDUCACIONAL